quarta-feira, 1 de abril de 2009

A "MINHA" Caixa de Pandora!


Tenho percebido em mim, a grande necessidade de descoberta. Descobrir sobre mim e para mim. Hoje me peguei conversando com a "Cleusa Maria", que é minha anjinha da guarda aqui em casa, sobre minhas qualidades e defeitos. Depois de um daqueles sermões clássicos e intermináveis da minha mãe, claro que ela foi "o meu consolo". rss

Achei engraçado quando ela soltou um "ta doida Milena, tira isso da cabeça". Ela sempre acompanha as brigas aqui dando risada. Olha pra mim com aquela cara de "saí daí antes que você se dê mal" e sai disfarçadamente pra não tomar partido. Hoje ela tomou. E, me senti bem demais com a proteção dela.

Depois da nossa conversa escondidinha pra não levarmos bronca, fiquei pensando sobre a "Caixa de Pandora" que existe dentro de mim. Percebi que estou há anos tentando abrí-la e morro de medo "dos males" que sairão dela. Durante todo esse tempo, me esqueci sobre a dualidade de sentimentos que rege a lenda e a esperança que vem como resposta aos deuses.

A partir de agora, me permito abrir a minha "Caixa de Pandora". Vou encarar todos os males que existem dentro dela sabendo que eu posso escolher qual jarra usar: aquela que contém os maus sentimentos, ou aquela que contém os bons.

Até então, tenho me sentido culpada quando meu lado humano sobressai, mas, percebi que, se até mesmo os deuses o tem e se aceitam assim, quem sou eu para me questionar?!

Vou seguir o conselho da Cleusa e "largar de ser boba", apenas para variar um pouco.

E, que seja aberta a minha caixa de pandora!!!!!


4 comentários:

Claudinha disse...

Muito bom..Simplesmente ADOREI...
BJOS

Lôrá disse...

adoreeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeiiii

Camila disse...

Espero que tenha mais coisas boas nessa caixa..rs rs rs rs

Monaliza disse...

Adorei "môbem".

Bjos amo-te